Fingimos

Eu já quis entender o porquê tanta compatibilidade, mas acho que resolvi deixar tudo isso no ano que se passou, queria não ter, que ter você por tantas vezes rodeando minha mente, pensamentos e lembranças.

Por vários momentos eu quis estar com você na sua presença, que me é tão agradável, mas acho que isso não será possível, nunca fui de me iludir, como uma boa observadora sei bem o rumo que cada coisa toma.

Um calhorda, desses típicos cafajestes apaixonantes, e eu me atraindo por esses tipos, começo a ficar clichê, mas os iguais se atraem? Eu querendo não me envolver quando já estou envolvida, ou seria eu envolvendo você em meus pensamentos? Não quero te explicar, não quero compreender, não tento nem fazer perante as situações vividas, eu bem sei o rumo que tudo vai ter, eu deveria ter feito psicologia, por ser tão boa com comportamento humano.

Enquanto eu finjo não saber o que esta acontecendo, você finge que faz algo que me impressiona, e fingimos ser amigos, no fingimento dos dias, vamos transcorrendo na vida…

Por: Nininha Albuquerque

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s