Quem vem…

São tantas doces pessoas que nos chegam como presentes, como se o cosmo as mandassem em doses para os momentos certos, não sei como agradecer, eu simplesmente abraço, dou carinho, dou sorrisos, dou olhares, me dou. Em silenciosos momentos, fico a observar, é que me anda faltando palavras,  para falar a todo o momento, meus discursos andam cheios de emoções, por muitas vezes não consigo terminar pois as lembranças e sentimentos dominam tudo que iria dizer, então eu prefiro silenciar, ainda não aprendi a chorar em público, e creio que vocês ainda não estão preparado para tal cena, os que a virão não lidaram muito bem. Enfim, é como um agradecimento, por quem encontramos por essa longa jornada.

Aguardo por horas vindouras carregadas de boas novas.

Por: Nininha Albuquerque

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s