6

Eu que havia prometido não pirar, me encontro em meio a um redemoinho onde eu preciso me organizar, eu preciso me organizar, eu preciso me organizar, pois o tempo tem passado depressa e eu na minha louca inconstância vivo como aqueles que não querem nada, quando na verdade tenho esse desejo tão forte de concluir esta etapa, eu preciso terminar todas essas pendências, preciso deixar para trás toda distração, toda pessoa de atraso, eu preciso de tempo e espaço dilatados, eu preciso de silêncio e principalmente, eu preciso de afeto, eu sei bem o que preciso, mas ando me envolvendo só com o que não preciso, neste precioso momento eu que transbordo desespero não sei bem por onde começar a organizar o que precisa ser feito e então aquela velha frase de uma autora qualquer surge novamente “Eu preciso organizar o caos que eu sou, mas o problema é que eu vivo pensando que caos é ordem.” Ao invés de me recolher me jogo no mundo e nesse momento em que eu precisava de mais respiração, o mundo decidiu que queria vir a mim, sentada na sala vazia onde o sol bate a janela e ilumina o chão nesta tarde de céu azul eu choro copiosamente meu desespero, minha angustia, na tentativa de externalizar tudo que não precisa mais ser guardado, a esperança se renova em meio ao caos um abraço apenas um eis tudo que desejamos neste momento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s